sábado, 30 de abril de 2011

Baú dos Caminheiros: Desforrar de Uma Fantasia

Quando estiveres sobre o meu corpo,
Plagies as ondas do mar, que tocam
Levemente e lambem os rochedos 
Que nele há...

Com tua boca, sorva, absorva 
Cada gota que teu toque me faz
Exalar, com ela explore em mim
Cada algar...

Com tuas mãos, divague, percorra
Cada protuberância do corpo
Que estás a um passo de amar.

Agora ficas ao longe, te peço,
Olha-me, observe como meu
Corpo está...vejo em teus olhos
Cobiça, sede, avidez no olhar;
Mas agora não quero mais.

Esta noite não dormirás em paz,
Recordarás lamentavelmente
Do que uma mulher é capaz.

Eis aí uma pessoa muito especial! Mila escreve com a doçura, o ardor e a sensualidade da alma feminina, por isso mesmo encanta, logo no primeiro encontro! E, além da poesia encantadora, ela também escolhe, com extremado bom gosto, as imagens que exalam poesia tanto quanto as letras gravadas!

Eu sou suspeito para tecer quaisquer outros comentários! Clique e conheça "Pensamentos da Mila"! Tenho a mais absoluta certeza de que também se encantará!


7 comentários:

  1. Parabéns pelo blog ! Gostei daqui, to seguindo e sempre que der comentarei.
    òtimo texto, (de uma ótima escritora pelo visto) Bom goato !

    abraço,

    ResponderExcluir
  2. Olá Gilmar!

    Adorei a surpresa, rs
    Atrevimento que nada, é uma honra...
    Bjsss

    Mila

    ResponderExcluir
  3. Parabéns,que continue assim ,sempre a postar matérias que agradam a todos.Parabénsssssssssss.
    Beijos da amiga Rosinhazul

    ResponderExcluir
  4. Bom dia, Gilmar!

    Realmente, a Mila escreve poemas lindíssimos. Deveria publicar um livro com seus tesouros.

    Meu caro, parabéns pelo aniversário do blog! Desejo sucesso e que este espaço cresça cada vez mais, bem como seu autor.

    Um abraço e ótima semana!

    ResponderExcluir
  5. Que belíssima escolha e homenagem, amigo.. a Mila escreve divinamente...é sempre encantador ler seus versos...
    Abraços aos dois...
    Valéria

    ResponderExcluir
  6. Gilmar: Linda poesia, parabéns a Mila e a ti também pela bela escolha que fizeste.
    Um abraço
    Santa Cruz

    ResponderExcluir
  7. Meu querido

    Um poema belissimo da Mila que adoro ler...e uma boa escolha.

    Deixo um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir

Fique à vontade!
Os comentários têm a função precípua de precipitar a maturação da reflexão, do texto “apossado”. É um ponto de partida, sem o ponto de chegada. É o exercício da empatia no rompimento do isolacionismo, posto que, tudo está conectado. É a sua fala complementando a minha. Por isso mesmo fique à vontade para o diálogo: comentar, concordar, discordar, acordar...

Imagens dos Caminhos