quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Maneiras de dizer as coisas...

Quintas de Humor
"Bêbado como uma Esponja", de Rick X

1- Com receita 

Numa pequena cidade, no interior do Rio Grande do Sul, uma  mulher entra em uma farmácia e fala ao farmacêutico:
               - Por favor, quero comprar arsênico.
               - Mas... não posso vender isso ASSIM! Qual é a finalidade?
               - Matar meu marido!!
               - Pra este fim... piorou... não posso vender!!!
               A mulher abre a bolsa e tira uma fotografia do marido, transando com a mulher do farmacêutico.
               - Ah bom!... COM RECEITA É OUTRA COISA! 


2- Com jeitinho
 
Antonio acorda com uma ressaca monumental! Dessas bravas mesmo! Ele se esforça para abrir os olhos e a primeira coisa que vê é um par de aspirinas e um copo com água no criado mudo.  Com dificuldade, se senta e vê sua roupa toda limpa e bem passada. Antonio olha ao redor do quarto e vê que tudo está em perfeita ordem e limpo. O resto da casa está igual. Toma as aspirinas e vê um bilhete sobre a mesa:

"Amor, o café da manha esta na cozinha. Dei uma saidinha para fazer umas compras. Hoje farei o seu almoço preferido! Te amo."

Assim que vai à cozinha, encontra o café da manhã posto e o jornal do dia sobre a mesa. Seu filho já está tomando café. Antonio pergunta:

-  Filho, o que aconteceu ontem a noite?

Seu filho, meio sarcástico, lhe responde:

-Bem, o senhor chegou depois das três da madrugada, bêbado como um gambá e delirando. Quebrou alguns móveis, vomitou no tapete novo e enfiou a cara na porta, ficando com esse olho roxo aí.

Confuso, Antonio pergunta:

- E como é que tudo está tão limpo e arrumado? Tudo certinho? Sua mãe não está brava e o café da manhã na mesa?

Seu filho responde:

- Ah, isso!!!  Mamãe te arrastou até o quarto e quando tentou tirar tuas roupas, você ficou bravo e gritou com ela: "Hei moça, me deixa em paz, sou um homem casado! Não toque em mim!"

Conclusões:
Uma ressaca: R$ 150,00
Móveis destruídos:  R$ 1.500,00
Café da manhã: R$ 30,00 
Dizer a frase certa: não tem preço!


Uma ótima quinta a todos!

9 comentários:

  1. Gilmar, cheguei numa quinta para lhe rever e, como era esperado, adorei o humor! Realmente a frase certa é de valor incalculável! rsrs! Um grande e fraterno abraço da amiga, Deia.

    ResponderExcluir
  2. Gilmar, o primeiro é hilário, e a receita então, permita-me, essa piada é bem mineira... rsssssssss. Abçs.

    ResponderExcluir
  3. kkkkkkkkkkkkk
    essas são ótimassssssssss...

    Bjs Gilmar

    Mila

    ResponderExcluir
  4. Gosto quando venho displicentemente e encontro o humor da quinta.
    Sempre ótimos , essa "com jeitinho" é a cara do brasileiro rsrs malandro demais ... rsrs
    abraços Gilmar abraços

    ResponderExcluir
  5. Meu amigo

    Passando para deixar um beijinho e matar saudades dos seus textos.

    Sonhadora

    ResponderExcluir
  6. Gilmar, meu amigo, as duas anedotas são sensacionais.
    Fiquei, aqui, rindo sozinha!
    Um beijo

    ResponderExcluir
  7. oie, tudo bem!!!!!!dando uma passadinha por aqui, e apreciando seus belos textos. estou levando seu selo para o blog. vale a pena. otima noite. bom fim de semana. bjs

    ResponderExcluir
  8. olá amigo passando pra deixar um bejinho, desejar uma otima semana e tbm pra dar uma espiadinha, seu blog tem muitas coisas legais, adoro. bjs
    ah!!!não sonseguir gravar seu selo em minha pagina mais vou tentar novamente.

    ResponderExcluir

Fique à vontade!
Os comentários têm a função precípua de precipitar a maturação da reflexão, do texto “apossado”. É um ponto de partida, sem o ponto de chegada. É o exercício da empatia no rompimento do isolacionismo, posto que, tudo está conectado. É a sua fala complementando a minha. Por isso mesmo fique à vontade para o diálogo: comentar, concordar, discordar, acordar...

Imagens dos Caminhos